jusbrasil.com.br
4 de Dezembro de 2021
2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região TRT-4 : ROPS 0020084-60.2017.5.04.0302

Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
8ª Turma
Julgamento
26 de Abril de 2018
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Acórdão

Vistos, relatados e discutidos os autos. ACORDAM os Magistrados integrantes da 8ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região: por unanimidade, dar provimento ao recurso ordinário do reclamante para (a) excluir a condenação ao pagamento de honorários sucumbenciais ao procurador da parte ré, (b) condenar a reclamada ao pagamento de diferenças de horas extras, a serem apuradas em liquidação de sentença, com reflexos em 13º salários, férias com 1/3, aviso prévio e repousos semanais remunerados e (c) condenar a reclamada ao pagamento da dobra dos repousos semanais remunerados não gozados, limitados a 2 por mês, nos termos do pedido. Valor da condenação que se arbitra em R$ 10.000,00 e das custas em R$ 200,00. Intime-se. Porto Alegre, 25 de abril de 2018 (quarta-feira).Cabeçalho do acórdãoAcórdão
Disponível em: https://trt-4.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/574090194/rops-200846020175040302

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 5 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL : REsp 0112553-06.2008.8.26.0100 SP 2011/0293641-3