jusbrasil.com.br
24 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região TRT-4 - Agravo De Petição: AP 0021533-69.2016.5.04.0211

Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
Seção Especializada em Execução
Julgamento
1 de Setembro de 2021
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

EMBARGOS À EXECUÇÃO. ILEGITIMIDADE PASSIVA. AUSÊNCIA DE GARANTIA DO JUÍZO. POSSIBILIDADE DE RECEBIMENTO.

Versando a insurgência do executado sobre a sua ilegitimidade passiva, a norma estabelecida no art. 884 da CLT deve ser relativizada, a fim de que sejam conhecidos e julgados os embargos à execução, mesmo sem a garantia do Juízo.

Acórdão

Vistos, relatados e discutidos os autos. ACORDAM os Magistrados integrantes da Seção Especializada em Execução do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região: por unanimidade, NEGAR PROVIMENTO AO AGRAVO DE PETIÇÃO DA EXECUTADA DRAKKAR COMÉRCIO DE COMBUSTÍVEL EIRELI (ATUAL DENOMINAÇÃO DE LOPES & LOPES - COMÉRCIO DE COMBUSTÍVEIS LTDA.). Intime-se. Porto Alegre, 23 de agosto de 2021 (segunda-feira).Cabeçalho do acórdãoAcórdão
Disponível em: https://trt-4.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1274126686/agravo-de-peticao-ap-215336920165040211

Informações relacionadas

Petição - Ação Ctps

Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região
Jurisprudênciahá 9 meses

Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região TRT-11: 00017656920105110019

Rede de Ensino Luiz Flávio Gomes
Notíciashá 13 anos

O que se entende por legitimidade ad causam?